100 canções para salvar sua vida — Camila Dornas

Título: 100 canções para salvar sua vida 
Autora: Camila Dornas 
Editora: Publicação independente 
Páginas: 379 
Ano: 2019

Começo esta resenha com uma frase que pode ser um pouco óbvia, mas que fica ainda mais clara quando concluímos a leitura de 100 canções para salvar a sua vida: a música une as pessoas.

“Música era a conexão entre meu pai e eu”

Mas não se deixe enganar por essa capa fofa e colorida e por essa frase capaz de conquistar qualquer um que, assim como eu, ama músicas e histórias. Este livro traz uma narrativa forte e aborda muitos assuntos que podem ser grandes gatilhos (como consumo excessivo de álcool, suicídio, violência sexual, relacionamentos familiares). 

“Tentei fazer suas palavras fazerem sentido, tentei entender, ao menos superficialmente, o que ele sentia. Mas não pude, é claro que não pude”

O livro já começa intenso, o que só nos faz querer saber como tudo aquilo pode acabar. Será que tem como acabar “bem”?

“Tudo é a mais pura e vibrante energia. E energia nunca desaparece. Apenas se transforma em algo diferente”

Nesta história conhecemos Alícia e Natasha que, um ano depois, ainda estão tentando entender e superar a morte de Valentina, que completava o inseparável trio. Uma garota que só podemos conhecer através das palavras de suas melhores amigas.

“Alguns dias eram piores que os outros. Alguns dias, sua ausência era tão forte que parecia tangível”

Neste ponto já podemos ver como cada uma lida com essa dor e é bonito perceber que sim, cada um de nós vive o luto ao seu modo.

“Às vezes tudo que precisamos é uma oportunidade de dizer adeus”

Mas esse panorama é apenas o começo. E a verdadeira história se desenrola a partir do momento em que Ali e Tasha resgatam a cápsula do tempo delas — uma tradição criada alguns anos antes — e, como de certa forma já esperavam, encontram algo deixado por Valentina. Elas só não imaginavam que esse algo seriam seis cartas, um iPod rosa com 100 canções e um mapa. 

“Não saber o que acontece em seguida é a melhor parte”

É a partir dessa descoberta que Ali e Tasha se jogam na estrada à bordo da Kombi grafitada de Alícia, que está ao volante, mas sendo conduzida por Valentina. Numa espécie de caça ao tesouro do além, as amigas iniciam assim a sua jornada.

“Ir embora só é difícil quando você tem algo pra deixar pra trás”

As duas amigas saem, portanto, em busca das respostas não dadas enquanto Valentina era viva e descobrem coisas dolorosas, que jamais esperaram descobrir (mas que, a partir de um certo ponto passamos a desconfiar, mesmo não querendo).

“Alguns segredos são terríveis demais, devastadores demais. Algumas verdades, quando desenterradas, destroem tudo”

Mas nem tudo é lágrima e dor nesta narrativa. Enquanto rodam o Brasil, as duas amigas vivem aventuras únicas e, principalmente, conhecem pessoas que serão igualmente capazes de transformar suas vidas.

“As pessoas que eu encontrei e suas histórias eram os tesouros mais preciosos pelo quais eu podia pedir, eram um lembrete de que nem todos eram ruins”

Confesso que me espantei com a facilidade que esse povo tem de cair na estrada. Mas é muito difícil não se deixar levar pelo espírito de liberdade deles. Ah, e aqui não estou mais falando somente de Ali e Tasha, mas dos amigos que elas conheceram pelo caminho também.

“Eu gosto de escapar de vez em quando, mas sou um paulista assumido. Gosto do barulho, da variedade de estilos, da vida cultural sempre pulsando, do ar pesado, até das pessoas rabugentas”

100 canções para salvar sua vida é um livro intenso, que vai te fazer pensar sobre a vida (e a morte), sobre amizades e valores, sobre força, coragem e sorrisos.

“Valentina era uma das pessoas mais corajosas que eu já conheci, e mesmo assim, ela nunca contou pra ninguém”

Uma história que vai te fazer sentir muitas coisas ao mesmo tempo e que, provavelmente, irá te marcar de alguma forma.

“Apesar do sorriso sempre presente, ela se escondia em suas aventuras por que tinha medo do nada, medo do que aconteceria se ficasse sozinha tempo demais consigo mesma”

Este foi meu primeiro contato com a escrita da Camila Dornas e sinto que, inicialmente, fui com muita expectativa para a leitura. Depois, porém, realmente me conectei à história e agora, além de tudo, percebo que destaquei alguns trechos bem fortes e significativos e que fiquei bem mexida com o que li.

“Um minuto é a diferença entre nada e alguma coisa. Alguns minutos podem mudar tudo”

Se você também quer conhecer está história, clique aqui embaixo. E se quiser saber mais sobre o trabalho da Camila, não deixe de segui-la nas redes sociais (Site | Instagram | Twitter).

4 comentários em “100 canções para salvar sua vida — Camila Dornas

Se gostou, comente aqui (;

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s