A Arte de Ler – Michèle Petit

Título: A arte de ler ou como resistir à adversidade
Original: L'Art de lire ou comment résister à l'adversité 
Autora: Michèle Petit
Editora: 34
Páginas: 304
Ano: 2010 (2º edição)
Tradução: Arthur Bueno e Camila Boldrini

Este foi O livro que me deu a certeza de que eu precisava e gostaria de voltar a ter um blog sobre minhas leituras. E, claro, eu não poderia tê-lo ganhado de outra pessoa que não aquela que me deu a coragem e a vontade de retornar a este mundo online.

“Nossas vidas são completamente tecidas por relatos, unindo entre eles os elementos descontínuos”

A arte de ler (pg. 122)

Aliás, estas minhas palavras, percebo agora, ficaram um pouco parecidas com as do depoimento de um jovem colombiano, depoimento este que se encontra na capa final do livro:

“Aquele livro me deu a força necessária para enfrentar a virada decisiva de minha vida, aceitar que eu não era mais o mesmo, suportar sê-lo entre meus amigos, que não compartilhavam o que eu pensava e que tive de enfrentar para defender minha nova maneira de ver a vida…”

A arte de ler

São relatos como este que tornam este livro encantador. E não só: a autora nos apresenta, sob diversas perspectivas, a importância da leitura não apenas na educação mas, principalmente, como ferramenta de resistência ao nosso caos interior. A capacidade de “construir sentido” proporcionada pela leitura permeia as páginas desta obra.

“Os livros lidos ajudam algumas vezes a manter a dor ou o medo à distância, transformar a agonia em ideia e a reencontrar a alegria: nesses contextos difíceis, encontrei leitores felizes”

A arte de ler (pgs. 33 e 34)

O livro nos mostra a vivência de leitores, mediadores de leitura, bibliotecários, professores, psicanalistas, escritores e animadores culturais, além de apresentar alguns projetos interessantes de leitura compartilhada, principalmente na América do Sul. No Brasil, por exemplo, são citados o projeto Vaga Lume e o Instituto A Cor da Letra.

Lendo este livro pude redimensionar a importância da leitura. Para muitos, ela pode ser uma importante forma de resgate cultural e de sentido; para mim, ela tornou-se algo ainda mais mágico e poderoso.

“Os livros eram, naquele lugar, moradias provisórias, a maneira de recriar um pouco a casa perdida”

A arte de ler (pg. 90)

Como disse no início, esta obra me deu a certeza de que eu gostaria de voltar a escrever sobre os livros que leio pelo simples fato de que, me lembro bem, o grande desejo que eu tinha quando criei meu primeiro blog era justamente esse: falar sobre livros e despertar, no outro, a vontade de lê-los. Falar sobre livros e espalhar pelo mundo essa sensação incrível que a leitura nos propicia.

“Abramos então as janelas, abramos os livros”

A arte de ler (pg. 266)

E se alguém conhece projetos de mediação de leitura ou similares por este Brasil afora, por favor, compartilhe aqui!

Adquira o seu aqui.

7 comentários em “A Arte de Ler – Michèle Petit

Se gostou, comente aqui (;

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s